Uma foto ficou gravada no inconsciente dos uruguaios

O vice-presidente disse que isso se deveu principalmente ao fato de já ter sido condenado socialmente, como os demais diretores, graças a uma mensagem que se repetia diariamente e durante anos na mídia, consciente ou não, como parte de um processo de manipulação da verdade que acabou substituindo a realidade.

O perigo dos ‘outsiders’

Na América Latina, há décadas estamos acostumados à chegada dos messias. Trata-se de redentores das mais diversas plumagens, oriundos do mundo do entretenimento ou de profissões que lhes permitiram acumular prestígio –e sobretudo dinheiro– que desembarcam no mundo da política, para salvar o povo da política.

Estabilidade política e corrupção: dois lados da mesma moeda

O aprofundamento da crise em vários países da América Latina, nos últimos meses, expôs a relação intrínseca entre estabilidade política e corrupção. Uma associação indissolúvel na qual ambas as condições fluem de modo coordenado. Um relacionamento que dura séculos e está profundamente enraizado na América Latina.

O grotesco teatro dos corruptos

Em uma tentativa de dissimular uma manobra desesperada, Pedro Chávarry, o procurador-geral do Peru, destituiu em plena noite de 31 de dezembro os procuradores Rafael Vela e José Domingo Pérez de suas posições na equipe especial do ministério público que investiga o caso.

Pessimismo quanto ao comércio, apesar de sua expansão

O mais recente relatório do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) acaba de anunciar que o valor das exportações da América Latina cresceu em 9,7% no primeiro semestre deste ano, enquanto a Cepal projetou um crescimento anual de 9,7% para as exportações da região em 2018.

A ineficiência dos sistemas de saúde da América Latina

Do ano de 2000 para cá, os sistemas de saúde vêm sendo fundamentais para o progresso sanitário da América Latina. A melhora na cobertura é explicada pela ampliação do acesso dos serviços de saúde, com aumento da expectativa de vida ou diminuição dos índices de mortalidade entre as crianças de menos de cinco anos.

Para uma democratização internacional da desigualdade?

A desigualdade de renda nos países da OCDE, o clube dos países ricos, está no seu nível mais alto no último meio século. No entanto, os dois países mais pobres do clube, México e Chile – os únicos latino-americanos – juntamente com a Turquia, foram os únicos que reduziram a desigualdade nos últimos anos.

Governabilidade eletrônica: onde estamos?

De acordo com o último relatório sobre desenvolvimento digital das Nações Unidas, apenas cinco dos 19 países latino-americanos estão entre os 50 mais digitalizados do planeta, enquanto o continente americano em seu conjunto apresenta índices de governo eletrônico semelhantes aos da Ásia.

O impacto da delinquência organizada na América Latina

A América Latina é uma das regiões do planeta mais afetadas pelo crime organizado. O poder econômico e a influência das organizações criminosas que se expandem com a corrupção solapam a autoridade do Estado e o estado de direito, causam danos econômicos enormes e elevam os índices de violência.