Superando o estouro por meio de uma nova Constituição

Desde meados de outubro de 2019, o Chile vem experimentando uma série de mobilizações e protestos sociais em grande escala. No contexto desse estouro social, confluíram no espaço público, de modo heterogêneo, diversas organizações sociais e indivíduos independentes, motivados por formas diferentes de demandas setoriais.