Os desafios do novo ciclo progressista

Ao contrário do ciclo anterior, que teve como eixo Caracas-Brasília-Buenos Aires, o ciclo atual terá um novo eixo estratégico: Santiago-Brasília-Bogotá, e enfrentará três desafios: a renovação das esquerdas, a economia e a polarização política.

Será esta uma onda esquerdista fugaz?

A América Latina constitui hoje, provavelmente, a principal referência da esquerda no mundo. Mas é incerta a duração que terá esta nova onda Governos de esquerda que vêm sucedendo durante os últimos anos.

Colômbia: das ruas às urnas

As eleições legislativas ratificaram a mudança gradual da Colômbia para o centro-esquerda desde o acordo de paz de 2016. O sistema político tem sido tenso pela agitação social, cuja saída foram os protestos de 2019, 2020 e 2021.

Novo giro à esquerda na América Latina?

Não é possível afirmar de forma conclusiva que a “maré rosa” – que caiu na primeira década do presente século – está de volta. Dependerá do que acontecer nos próximos meses nas diferentes eleições no Peru, Nicarágua, Chile, Honduras e no segundo turno no Equador.

Nossa Newsletter

PHP Code Snippets Powered By : XYZScripts.com