O Jogo a dois níveis de Ortega e Murillo

O governo da Nicarágua – controlado pelo presidente Ortega, sua esposa Murillo e a Frente Sandinista de Libertação Nacional – está usando novas leis para prender rivais políticos e assediar a mídia independente antes das eleições marcadas para novembro.

Ai Nicarágua Nicaraguinha

A perseguição de Cristiana Chamorro e dos outros líderes e jornalistas da oposição é uma resposta, não apenas autoritária mas também irrefletida, que o regime acaba aplicando a seus concorrentes em uma espécie de lei extrema, uma modalidade muito difundida entre os governos latino-americanos.

O dilema nicaraguense para a esquerda latino-americana

Michelle Bachelet, Alta Comissária das Nações Unidas para os Direitos Humanos (UNHCHR), apresentou recentemente seu relatório anual sobre a situação na Nicarágua. A notícia não é encorajadora: “o Estado de direito continua a deteriorar-se” sob o governo do Presidente Daniel Ortega e sua esposa, a Vice-Presidente Rosario Murillo.

Nicarágua: a crise de um regime patrimonial

Há dois anos ninguém suspeitava que Daniel Ortega poderia perder uma eleição ou que seu governo poderia sofrer uma crise como a atual. De qualquer forma, os resultados das eleições de 2016 não tiveram qualquer significado, foi uma eleição de um “regime eleitoral autoritário”.

Nossa Newsletter

PHP Code Snippets Powered By : XYZScripts.com