Peru: a hora de Dom Quixote

A crise política no país andino mostra que não há mais “salvadores da pátria” que sobem ao poder através de golpes de Estado. O Peru está sendo resgatado da literatura, da cultura e do punhado de políticos não sobrecarregados. Parece que eles encontraram a figura certa, um presidente interino a quem chamam de “Dom Quixote”.

O que está acontecendo no Peru?

O que está por vir no futuro imediato? Infelizmente, não há muito espaço para o otimismo. E só podemos cruzar os dedos que as eleições de 2021, que estão sendo realizadas em meio a uma grande dispersão e incerteza, produzirão um resultado que permitirá ao próximo governo um mínimo de viabilidade para enfrentar futuros desafios.

Como os déspotas se apegam ao poder

Os déspotas que se enamoraram tanto do governo estão aterrorizados em deixá-lo. Seu maior medo é a morte política descrita pelo marechal Josip Broz Tito como a mais horrível das mortes. Tornar-se um cidadão comum deve ser uma tortura para aqueles que governaram como reis.

Nossa Newsletter

PHP Code Snippets Powered By : XYZScripts.com