Novas sanções a Venezuela sufocam mas não matam

Em 6 de agosto, aconteceu na capital peruana a Conferência Internacional pela Democracia na Venezuela, com a participação de 59 países e três órgãos internacionais,e nela foi discutido basicamente o que se faria no “dia seguinte” à queda do regime de Nicolás Maduro.

Novo regime mexicano?

O fato de que exista o governo López Obrador faz com que seus partidários e até mesmo muitos de seus críticos falem de um “novo regime”. Se encararmos com seriedade esses conceitos, e as distinções entre eles, a conclusão é outra. Façamos uma análise tão precisa, clara, breve e simples quanto possível.

Da Venezuela ao México

Se Maduro conseguir consolidar seus vínculos com o exército e com uma burocracia ideológica, o risco é de que seus descendentes ainda estejam no poder, exaltando como façanha de resistência ao imperialismo uma mistura de pobreza distribuída equitativamente, partido único e bocas seladas.

Nossa Newsletter